0 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 0 Google+ 0 Email -- 0 Flares ×

Não é de hoje que os noticiários trazem números que mostram a crise no Brasil. Os problemas econômicos vão desde a inflação, desaceleração da geração de empregos e alta do dólar. Nesse cenário a pergunta que fica é: como não deixar que os resultados da minha empresa sejam afetados pela crise? Para te ajudar nesta missão, reunimos algumas dicas com formas práticas e rápidas para não deixar a crise chegar a você, divulgando seu negócio na internet através do marketing digital. Procuramos também não apenas dizer o que fazer, mas como fazer (o mais importante). Vamos em frente!

#1 Google Adwords

Os anúncios patrocinados do Google podem gerar vendas em poucas horas. É a melhor alternativa para quem precisa melhorar seus resultados de forma urgente. O primeiro passo para usar essa estratégia, é criar uma conta no Google Adwords, depois usar o Planejador de Palavras Chaves para encontrar os termos mais pesquisados referentes ao seu negócio.

Por exemplo, no caso de uma loja de sofás, você provavelmente colocaria como palavras chave em seus anúncios, termos como “comprar sofá”, “sofá novo”, “sofá no estado X” e etc.

Uma dica muito importante é patrocinar apenas palavras que realmente tenham relação com o seu negócio, ou você corre o risco de atrair pessoas não interessadas no seu produto, e assim gerar custos com cliques que não terão retorno.

Anúncios no Google Adwords de lojas de sofás
Anúncios no Google Adwords de lojas de sofás

Outra dica é segmentar seu público de acordo com a localização. Se a sua atuação for local, escolha anunciar apenas na sua cidade e região. É isso que fará a sua estratégia ser barata, pois você irá anunciar apenas para quem realmente interessa.

#2 Facebook – Anúncios patrocinados

Acabou o mito de que Facebook “é grátis”. Com o aumento do número de páginas na rede social e também do número de fanpages que cada pessoa curte, conseguir engajamento se tornou cada vez mais difícil. Ainda mais se você estiver querendo gerar vendas pelo Facebook. Aqui vale lembrar, o Facebook funciona muito bem como relacionamento, mas as pessoas não estão muito interessadas na sua publicidade. Elas querem conteúdo (falaremos desse assunto no tópico a seguir).

>> Quer mais conteúdo da Rockett? Siga-nos no Facebook e no Twitter

“Mas eu quero anunciar no Facebook. O que eu faço?” Ok, você quer anunciar no Facebook e sim, isso pode trazer resultados, mas se fizer do jeito certo. Se você costuma ir na sua página e ‘impulsionar a publicação’ para vender mais, você está fazendo isso errado. O ‘impulsionar publicação’ serve apenas para gerar mais curtidas e comentários. Para criar anúncio eficientes, clique em ‘Gerenciador de Anúncios’ e depois em ‘Power Editor’.

Clique em Gerenciador de Anúncios para criar anúncios eficientes no Facebook
Clique em Gerenciador de Anúncios para criar anúncios eficientes no Facebook

Capriche MUITO na hora de segmentar o público. Isso é o que fará a diferença. Também no Power Editor, configure o pagamento de acordo com o seu negócio. Se você tiver uma loja virtual, escolha pagar por venda gerada, e não por clique.

Agora voltando a nossa loja de sofás, nesse caso na hora de segmentar o público, você poderia colocar nos interesses apenas pessoas casadas (sim, é possível fazer isso), e ainda, pessoas que curtiram a página do seu concorrente. Outra segmentação interessante é a por endereço, se você quiser anunciar apenas para determinada rua, ou local, também é possível. Genial, não é mesmo? Veja aqui um tutorial completo de como usar o Power Editor.

consultoria rockett

#3 Facebook – aumentar o alcance orgânico

Desde a metade do ano passado o Facebook vem priorizando o alcance orgânico para vídeos. Estima-se que vídeos alcancem duas vezes mais pessoas que posts de links (como este aqui, por exemplo). Ou seja, está na hora de criar vídeos e jogar na rede! Não precisa ser nada superproduzido. Pegue o celular e grave o seu produto, ou jogue um trecho da palestra que você deu na rede social. Ainda vale fazer vídeos com chamadas para seu site, como este aqui. Lembre-se: os vídeos devem ter até um minuto e meio. Mais do que isso, o Facebook não curte.

8 dicas essenciais para empreender

#4 Instagram

Você tem um negócio e não tem Instagram? Está na hora de criar! Você tem um negócio pequeno e não tem Instagram? Crie agora! Padarias, restaurantes ou cafés que não estão na rede social estão perdendo muitos clientes. Essa é a rede social perfeita para você quem não tem dinheiro para investir em mídia paga. Ao contrário do Facebook, o Instagram não vai limitar o alcance do seu perfil. Mas não use essa rede social para postar anúncios, mas imagens com legendas criativas, que despertem a atenção dos seguidores.

taj
Um exemplo de perfil no Instagram bem utilizado: Restaurante Taj de Balneário Camboriú

Seja qual for o segmento de atuação da sua empresa, vale a pena testar o Instagram. É uma das redes sociais que mais crescem!

#5 Inbound Marketing

Para começar vamos explicar o que é Inbound Marketing. Inbound Marketing, ou marketing por atração, consiste em atrair contatos interessados no seu produto ou serviço (leads), através de conteúdo. Por exemplo, se você é uma empresa que vende sofás, o seu público alvo principal será donas de casas. A partir disso você deve ser perguntar: o que o meu público gostaria de ler, assistir ou ouvir? Depois disso, crie um blog no seu site e comece a produzir conteúdo de interesse do seu público alvo, atraindo seu prováveis clientes.

Esses conteúdos devem atrair as pessoas para landing pages (veja esse exemplo da Rockett), onde você irá conseguir os dados do seu público. Com o e-mail do prospect, você irá enviar e-mails semanais com novas informações de interesse dele (como escolher o sofá de acordo com sua sala, 10 sofás para dar de presente e etc).

Depois de algum tempo oferecendo informações úteis sobre decoração (o que chamamos de nutrição do lead), é hora de abordar seu cliente e oferecer seu produto e finalmente vender!

A geração de leads através do inbound marketing é 62% mais barata do que por anúncios, como links patrocinados, por exemplo. Para quem quiser se aprofundar mais no tema, recomendo este texto aqui.

Importante: Inbound Marketing é uma ótima estratégia para atrair novos clientes e fidelizá-los, mas leva algum tempo para apresentar resultados.

Não há fórmula na internet

Se você puder, teste todas as alternativas apresentadas e veja o que irá gerar mais resultados. Cada negócio funciona de uma forma, nenhum terá o mesmo resultado do outro, devido às suas peculiaridades. Não há uma fórmula pronta para o que funciona na internet, então é muito importante testar, testar e testar. Após os testes, direcione seus esforços e verba de marketing para onde gerou mais vendas. Mãos à obra!

E aí, curtiu o post? Então fique de olho em nosso blog, pois na semana que vem tem a próxima parte. Aproveite e compartilhe essas dicas nas suas redes sociais :). Ah, e siga-nos no Facebook e Twitter.

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 LinkedIn 0 Google+ 0 Email -- 0 Flares ×